Conhecer os tipos de arames é uma questão fundamental para o sucesso da sua fazenda. Neste post selecionamos informações importantes para ajudá-lo a entender um pouco mais sobre o assunto. Aqui você descobrirá os principais produtos existentes hoje em dia e como eles devem ser utilizados. Além disso, ficará sabendo quais características devem ser consideradas no seu planejamento. Confira a seguir!

Quais são os tipos de arames?

Com uma rápida pesquisa na internet ou uma ida a lojas agropecuárias ou ferragens, você se depara com várias opções de arames. É comum ter dúvidas e não saber qual escolher, mas não se preocupe. Abaixo listamos alguns dos principais exemplos de arames e suas características:

Arame Taura Barretos Multiuso Zn+

Como o próprio nome diz, ele é aplicado em várias situações e pode ser utilizado para uma cerca convencional ou cerca elétrica, visto que é um excelente condutor de eletricidade. Esse modelo tem o mesmo desempenho que os arames de bitola maior, pois tem alto teor de carbono. A sua espessura é de 2,0 x 2,5 mm.

A simbologia “Zn+” indica que o arame é triplamente galvanizado. Como consequência disso, o material tem mais resistência às intempéries naturais, como a chuva, e requer menos manutenção com o passar do tempo.

A fruticultura o utiliza para fazer estruturas do cultivo de frutas, pois os produtos químicos usados no cultivo não atrapalham o seu desempenho devido à tripla galvanização, que protege o arame da oxidação .

A embalagem fornecida pela Taura é reforçada e protege o produto da umidade no armazenamento e no transporte. A sua distribuição no mercado é feita em rolos de 1250 m, além das metragens padrões de 500 e 1000 m. 

Arame Taura Ovalado 750 Zn1

Esse modelo não é triplamente galvanizado, mas tem resistência superior — igual a 750 kgf. Os rolos são vendidos em 500 e 1.000 metros. A bitola é a padrão do mercado, igual a 2,4 x 3,0 mm.

O público conservador acredita que apenas a espessura do produto determina a sua resistência. Na verdade, um produto fino não representa um arame fraco. Essa escolha deve ser feita a partir do processo produtivo.

Arame Taura Ovalado 800 Zn+

Opção com tripla camada de zinco e alto teor de carbono em sua composição. Como consequência disso, esse produto tem 100 kgf a mais de resistência, sendo recomendado para fazendas com alta densidade de animais.

Por conta da sua bitola de 2,4 x 3,0 mm e da tripla camada de zinco, esse arame também pode ser utilizado no cercamento elétrico, oferecendo bom desempenho para a sua cerca. 

Arame Taura Elétrico 600 Zn+

arame elétrico 600 Zn+ é redondo, não ovalado e sua bitola é de 2,10 mm.

A sua carga de ruptura é igual a 600 kgf e a composição conta com uma liga metálica de baixa resistência ôhmica, que permite melhor condutividade elétrica ao arame. Assim, a passagem de corrente elétrica é facilitada, mesmo em conexões de porteiras e emendas com fios eletroplásticos. A tripla cama de galvanização é outra de suas vantagens.

Arame Taura Fruticultura 600 Zn+

Cada tipo de cultivo tem características que devem ser respeitadas, e não poderia ser diferente para a fruticultura.

arame Fruticultura 600 Zn+ é a melhor opção para essas práticas. Ele é redondo e muito resistente ao ataque dos produtos químicos utilizados na plantação. Os pomares e as plantações de frutas, como maracujá e morango, são exemplos de áreas que se beneficiam do seu uso. O produto tem espessura igual a 2,1 mm.

Taura Cordoalhas

Uma cordoalha é formada por vários fios de arames entrelaçados, que resultam em um fio maior e mais resistente. As cordoalhas de 3 fios e 4 mm têm carga de ruptura equivalente a 1.000 kgf e são comercializadas em rolos de 250 m. Esse produto é utilizado no cultivo de culturas aéreas, como uvas.

Existe outro modelo com 3 fios, mas de diâmetro de 4,87 mm. Ele é mais resistente e comporta uma carga de 1.670 kgf, atendendo a construções de estruturas para pecuária e fruticultura.

Já o confinamento de animais exige uma solução mais resistente, certo? A cordoalha de 7 fios e 6,4 mm aguenta uma força de 2.500 kg e é o produto ideal para essas situações.

Os três tipos de arames são triplamente galvanizados e oferecem toda a segurança que você precisa na sua fazenda.

Arame Taura Farpado 1.6 Zn1 e 1.6 Zn+

O arame farpado é um antigo conhecido do produtor rural. Ele é uma opção mais em conta para as propriedades e cercas menores.

O cerqueiro posiciona o fio na altura e depois usa grampos para fixá-lo. A Taura tem grampos polidos que garantem mais facilidade no trabalho na sua fazenda. Os arames têm espessura de 1,6 mm, mas existem dois modelos.

Arame Taura Farpado 1.6 Zn+ tem tripla camada de galvanização e 350 kgf, sendo o mais resistente. O Arame Taura 1.6 Zn1 tem camada simples de galvanização e 250 kgf.

O desempenho das cercas rurais pode ser melhorado com outros produtos também. A Taura conta com os seguintes exemplos em seu catálogo:

Como escolher a mercadoria ideal?

Após conhecer os tipos de arames, você deve estar se perguntando qual é a melhor escolha para a sua fazenda, certo?

Na verdade, você precisa considerar várias questões antes de tomar uma decisão. O tipo de atividade desempenhada é um dos principais critérios em seu planejamento. Além disso, o custo-benefício de cada produto não pode ser deixado de lado. De qualquer forma, a Taura oferece mercadorias para todas as situações enfrentadas pelo homem do campo.

Ao ler este post você descobriu quais são os tipos de arames e como as suas características influenciam a obtenção de resultados positivos na fazenda. Essas informações são fundamentais nas decisões que você toma para um futuro de sucesso.

Nessas horas, trabalhe com um fornecedor de tipos de arames de qualidade e que conhece as exigências do mercado, como a Taura.

Quer uma ajuda para calcular a quantidade de material que será necessária no seu projeto de cercamento? Então use a nossa calculadora de cerca elétrica e de cerca tradicional! Veja também como é possível comprar os melhores produtos que o mercado oferece!